• Home
  • /
  • Sobre mim
  • /
  • Contato
  • /
  • Blogs Parceiros
  • /
  • Escritores Parceiros
  • [Livro] #Resenha - Pausa - Série Slammed 2


    Sinopse :


    Destinados um ao outro, Layken e Will superaram os obstáculos que ameaçavam seu amor. Mas estão prestes a aprender, no entanto, que aquilo que os uniu pode se transformar, justamente, na razão de sua separação. O amor pode não ser o bastante.

    Depois de testado por tragédias, proibições e desencontros, o relacionamento de Layken e Will enfrenta novos desafios. Talvez a poesia desse casal acabe num verão solitário... Sem direito a rimas ou ritmo. A ex-namorada de Will retorna arrependida de ter deixado o rapaz. E está disposta a tudo para reconquistá-lo. Insegura, Layken começa a ler novas reações no comportamento do rapaz. E na insistência para adiar a "primeira vez" de ambos. 

    Presos em uma ironia cruel do destino, eles precisam descobrir se o que sentem é verdadeiro ou fruto da extraordinária situação que os uniu. Será que é amor? Ou apenas compaixão? Layken passa a questionar a base de seu relacionamento com Will. E ele precisa provar seu amor para uma garota que parece não conseguir parar de "esculpir abóboras". Mas quando tudo parece resolvido, o casal se depara com um desafio ainda maior - e que talvez mude não só suas vidas, mas também as vidas de todos que dependem deles.


    Skoob / Orelha de Livro / Goodreads


    Impressões :

    Resolvi começar o segundo livro logo na sequência, não costumo fazer isso, mas querer saber o que acontecia na trilogia estava me matando...

    O segundo livro é narrado por Will, não tem a pegada tão dramática quanto no primeiro livro, ainda assim, é capaz de nos prender até o final. 

    Neste segundo livro, experimentamos um Will mais maduro, no entanto, confuso e cansativo, dramático mesmo. E uma Layken confusa ao extremo. Conhecemos um pouco mais de Gavin e de Eddie.

    Entram mais dois personagens ao foco central Vaughn, a primeira namorada de Will e Reece o até então melhor amigo.

    Vaughn tenta voltar com Will de todas as formas e coloca em check o motivo que realmente a une a Lake, se é mesmo amor, ou se é pena por ela estar vivendo as mesmas dores que ele viveu no ano anterior. Lake por sua vez,  acha que Vaughn pode estar certa e resolve terminar com Will.

    O destaque maior dessa vez, fica para os pré adolescentes : Kristen, Caulder e Kel. Que não só mostram um show de maturidade como arrancam os melhores momentos do livro. Kristen, mesmo com sua pouca idade, se mostra capaz de levar um pequeno trecho do livro nas costas. Suas tiradas e comentários inteligentes são sensacionais.

    O que fica de bom do livro é a lição que nos deixa : nem tudo está perdido até que realmente seja o fim. Enquanto houver vida e amor, é possível lutar por tudo. Will nos dá um show de perseverança e força.

    Não espere um impacto, lágrimas ou que este livro irá te prender ou até mesmo surpreender como o primeiro livro da trilogia. Ele é bom, bem escrito, boa narrativa de tempo e espaço e sem buracos, no entanto, não tem nada tão forte ou tão intenso assim. Vale a leitura apenas pela sequência da trilogia mesmo.






    6 comentários :

    1. Oi, tudo bem?
      Até hoje só li dela o O amor liquido.
      E um monte de gente me indica para ler esta trilogia também.

      Beijos
      @saymybook
      http://saymybook.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Denise,
        Esse eu ainda não li, mas já li uns outros dois dela, que tbm amei.
        Beijos

        Excluir
    2. Oi, Gisele.
      Não conhecia essa trilogia e nunca li nada da autora, mas parece ser bem interessante.
      Tenha uma ótima semana e boas festas! Beijo!
      Borboletas de papel

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Aline,
        Ele é bem legal, no entanto todo livro dela tem muita emoção.

        Excluir
    3. Gi, não conhecia essa trilogia! A leitura parece prender.
      Não conheço a história, mas acho que o amor é importante, sem dúvida. Porém, vários outros elementos entram na listinha de fundamentais, sabe? Enfim, dica anotada!! ^^

      Beijos,
      Carol
      www.pequenajornalista.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Carol,
        Ah com certeza, concordo com você.
        Beijos

        Excluir