• Home
  • /
  • Sobre mim
  • /
  • Contato
  • /
  • Blogs Parceiros
  • /
  • Escritores Parceiros
  • [Livro] #Resenha - A Cabana




    A Cabana
    Por - William P Young
    Editora - Sextante.

    Skoob / Orelha de Livro

    Compre A Cabana na Amazon, clicando na Imagem abaixo :





    Sinopse :


    A filha mais nova de Mackenzie Allen Philip foi raptada durante as férias em família e há evidências de que ela foi brutalmente assassinada e abandonada numa cabana. Quatro anos mais tarde, Mack recebe uma nota suspeita, aparentemente vinda de Deus, convidando-o para voltar àquela cabana para passar o fim de semana. 

    Ignorando alertas de que poderia ser uma cilada, ele segue numa tarde de inverno e volta a cenário de seu pior pesadelo. O que encontra lá muda sua vida para sempre. Num mundo em que religião parece tornar-se irrelevante, "A Cabana" invoca a pergunta: "Se Deus é tão poderoso e tão cheio de amor, por que não faz nada para amenizar a dor e o sofrimento do mundo?" As respostas encontradas por Mack surpreenderão você e, provavelmente, o transformarão tanto quanto ele.


    Minhas Impressões :

    Este livro acabei lendo, por indicação de uma amiga. Eu havia acabado de sair de um problema de saúde muito sério e ela me dizia sempre que este livro, mudaria muito a minha forma de ver muitas coisas. Então, um belo dia, resolvi tentar.

    O livro trata de um encontro com Deus e como lidar com perdas diante da sua fé e aceitação. É um bom e forte tema, mas a forma com que foi abordado, para mim pelo menos, se tornou um livro cansativo. Porque no meu caso, todas as minhas perdas, me levaram a Deus e me trouxeram a minha fé e não o contrário. Eu jamais questionei a escolha dele. Cheguei a beira da morte. Mas nunca questionei o motivo pelo qual precisei passar por isso. Muito pelo contrário, eu sempre fui grata por ter passado, mas existe duas diferenças primordiais : a primeira é que eu estou viva e a segunda é que eu sou real.

    Um livro desta estrutura eu teria lido em dois, três dias, porém levei mais de um mês e ainda precisei intercalar com outros. Ler vários livros ao mesmo tempo, é algo bem comum para mim, faço sempre isso, porque ficar sempre no mesmo assunto cansa muito a minha mente. Mas ficar meses no mesmo livro, isso não.Ficou difícil. Eu lia diversas vezes as mesmas páginas e não conseguia sair dela. Sempre voltava ao mesmo ponto.

    Algo que me chamou muito à atenção, é que em todo momento o enredo me remetia muito para aquela garota desaparecida e que nunca encontraram, a Madeleine. E isso também me agoniava demais. Será mera coincidência se tratar do mesmo assunto ? Ou quiseram aproveitar um gancho ?

    Porém, um dos pontos do livro me fez refletir muito (e só isso já valeu toda a leitura) MAAAIS OU MEEEENOS, MAAAIS OU MEEENOS. É um ponto em que é falado sobre o perdão e de como lidar com isso, algo que até então, eu nunca havia parado para pensar. Então, UMA coisa positiva eu posso citar. UMA SÓ OK ?!

    No mais, é um livro que eu recomendo para quem gosta de enredos que tratam de Deus de forma psicológica. Não espere um livro religioso, não espere um livro que irá chamar a sua fé, ou trazê-la de volta. 

    Porém, eu pude perceber que este é o tipo de livro que ou você vai AMAR ou ODIAR. Não vai existir um meio termo.

    Não espere algo que poderá mudar a sua vida. Isso não vai acontecer.


    Nota :




    1 comentários :

    1. Eu, mesmo não sendo católico ou cristão (sou o tipo de pessoa pagã que acredita em todo tipo de força, seja ela boa ou ruim) fiquei apaixonado pela história do livro e muito mais do que isso, amei a forma que foram representadas as divindades sem o mesmo padrão de sempre. Esse é um livro que eu lerei mais vezes e que recomendo para qualquer um, não importa a religião ou crença.

      Meu Blog: www.umcontainer.com

      ResponderExcluir