• Home
  • /
  • Sobre mim
  • /
  • Contato
  • /
  • Blogs Parceiros
  • /
  • Escritores Parceiros
  • [Resenhando] Ecos da Morte - Por Gabi Laganowski


    Sinopse :


    Violet Ambrose tem dois problemas – o dom mórbido e secreto que carrega desde a infância e Jay Heaton, seu melhor amigo, por quem está apaixonada. Aos dezesseis anos e confusa com os novos sentimentos em relação a Jay, ela começa a ficar cada vez mais incomodada com sua estranha habilidade – Violet encontra cadáveres. Desde pequena ela percebe os ecos que os mortos deixam neste mundo. 

    Ruídos, cores, cheiros. Mas não todos, apenas os das vítimas de assassinato. Para ela, isso nunca foi um grande talento. Na maioria das vezes, tudo o que encontrava eram pássaros mortos, deixados para trás pelo gato da família. Mas, agora que um serial killer está aterrorizando a pequena cidade onde mora e os ecos das garotas assassinadas a perseguem dia e noite, Violet se dá conta de que talvez seja a única pessoa capaz de detê-lo. Em pouco tempo ela estará no rastro do assassino. E ele, no dela.

    Skoob / Orelha de Livro 


    Compre o Seu na Amazon, clicando na imagem abaixo :






    Impressões :


    Como começar a escrever a resenha desse livro? Acho que pelo desejo de lê-lo... Desejei ler esse livro assim que visualizei a capa e li a sinopse da editora.  A capa preta com essa flor azul e esse título me cativaram desde o começo! A sinopse veio a complementar e fechar a decisão em ler este livro! E não me arrependi, em nenhum momento, desde o início!

    Ecos da Morte, de Kimberly Derting, é o primeiro volume de uma trilogia intitulada The Body Finder. 


    Violet é uma adolescente de 16 anos que tenta levar sua vida da melhor maneira possível... Inteligente, ativa e possuidora de um dom. Herdou esse dom de sua avó e desenvolveu-o desde criança. Violet pressente sensorialmente corpos humanos ou de animais que foram assassinados. Sente gostos, visualiza cores ou ouve sons que atrai ela até onde esses corpos estão. E percebe também as marcas em quem cometeu, executou os crimes... Descobriu isso com seu gato, que levava consigo as marcas dos ratos que havia matado.  Além de aprender a lidar com esse dom ela enfrenta a adolescência como toda e qualquer menina da sua idade! 
    Violet percebe estar apaixonada por seu melhor amigo. Jay e Violet são amigos há muito e muito tempo. Cresceram juntos. E Violet descobre que seu corpo e coração passam a agir estranhamente quando ela está com seu amigo Jay!  

    Jay é um rapaz bonito, o mais paquerado da escola... Mas é um adolescente diferente, pelo menos para mim que gosta de homens mais velhos é... Jay é cavalheiro, sensual, responsável e até digamos um pouco malicioso. Não teve como não se encantar e se apaixonar por ele...

    Ver Violet e Jay se descobrirem foi perfeito! Suspirava junto com Violet e parecia uma adolescente com os hormônios em ebulição.
    A maior parte do livro se passa na escola onde Violet e Jay estudam e nos arredores da casa e do bairro onde moram. Ambos possuem amigos em comum: Chelsea, Grady, Jules e Claire. 
    No aspecto humano o livro mostra muito bem a ebulição hormonal da adolescência, o amadurecimento das idéias, os problemas enfrentados por meninas e meninos ao descobrirem que cresceram e que se tornaram mulheres e homens. Mostra também como são as amizades entre as meninas nessa idade, o que conversam e o que desejam...

    Mas nem tudo são flores, romance e problemas cotidianos da adolescência e da vida estudantil. Um serial killer começa a matar meninas na cidade de Violet e nas cidades vizinhas. E isso atinge Violet a partir do momento que ela encontra um corpo em um lago através de seu dom. Violet decide que precisa se mexer, fazer alguma coisa para parar o assassino, para ajudar a polícia a descobrir quem é o serial killer. E a partir daqui não posso contar mais nada sem revelar spoilers!

    Uma trama muito bem amarrada, com personagens super humanos e cativantes, cheia de suspense, de mistério e de romance! Suspense, mistério e romance caminham lado a lado nesse livro encantador! Prendeu-me desde o começo, mas foi do meio em diante que não consegui mais parar de ler, suspirar, sentir calafrios. Torci muito pelo romance de Jay e pela descoberta do assassino. Mas nem tudo é o que parece...  E aconselho você a ler esse livro se quiser descobrir a trama e o verdadeiro assassino. Surpreendi-me.



    Por :




    * Gabi é criadora do Blog Ilusões Noturnas

    1 comentários :

    1. Hey!

      A capa chama a gente mesmo, muito caprichada. Mas me senti uma ET porque todas as resenhas que li, todos os comentários de amigas... Tudo era só amor pelo casal, e eu sinceramente achei que o Jay e a Violet deveriam ter ficado só na amizade. Não senti essa química toda kkkk. Mas o livro é excelente!

      Beijos
      http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir